Notícias


Prefeita Terezinha de Zé Afonso participa de reunião na Associação Agrícola Santana e Queimadas

Os membros da Associação Agrícola Santana e Queimadas, localizada no município de Santa Terezinha (PB), realizaram uma reunião com a prefeita Terezinha de Zé Afonso, na noite dessa terça-feira (18), no salão paroquial.

Além da gestora municipal também participaram da reunião o secretário de Agricultura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Marlos Lúcio e a Secretaria de Finanças, Terezinha Oliveira.

Na pauta estavam as reinvindicações da comunidade. A abertura ocorreu com um momento de oração, o presidente da associação, Antônio Pereira (Galo Preto), deu as boas vindas e a secretária leu os pleitos.

Os pedidos foram: Recuperação de caixa d’água perto da escola; passagem molhada entre Santana e Queimadas; perfuração de poços; academia de saúde; campo society; barragens subterrâneas; açude; asfalto até a BR 361; construção de uma sede; um tratorito; uniformes e internet para a escola; pessoas para ligar as bombas d’água nas comunidades; passagem molhada na localidade do Cumarú e mata-burros.

O presidente da associação. Antônio Pereira (Galo Preto) avaliou a reunião.

“A gente agradece a participação da prefeita, ela mostrou varias possibilidades de resolver os problemas da comunidade”, disse.

Para o secretário Marlos Lúcio, a reunião foi positiva e os membros estão de parabéns por ter uma associação legalizada. Ele citou que a maioria das associações estão inadimplentes e isto é preocupante.

“Estivemos na associação para informar aos associados o que está por vir para as associações através do Governo do Estado. Fizemos um levantamento da legalidade das associações e encontramos quase todas inadimplentes, isto é preocupante. Esta associação está legalizada e pode ser contemplada com a busca de recursos através da prefeita Terezinha junto ao Governo do Estado e junto ao Governo Federal. Parabéns a todos os associados por manterem esta associação legalizada, é interessante que mais pessoas da região sejam convidadas para participar. Das 16 associações no município, apenas quatro estão legalizadas. A presença da prefeita nesta reunião mostrou o bem que ela quer pela zona rural e pela agricultura familiar”, comentou.

A gestora falou da importância da reunião.

“Foi um momento gratificante. É a terceira reunião que participamos na comunidade. Peço as comunidades rurais que se legalizem para não perder os benefícios do Projeto Cooperar. Ouvimos os pedidos e os agradecimentos pelos trabalhos realizados. Estamos esperando a liberação da Funasa para fazermos a licitação e entregar os poços artesianos, vamos colocar a Academia da Saúde e dá prioridade a caixa d’água que está precisando de uma solução urgente. Quero dizer que a gestão vai continuar dando assistência aos produtores. Saímos felizes pelo reconhecimento do nosso trabalho na comunidade”, destacou.  

« Voltar
shareCompartilhe